segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Vai passar!

menina esperança
http://migre.me/aJU14

"Vamos deixar para sofrer pelo que é realmente trágico, e não por aquilo que é apenas um incômodo, senão fica impraticável atravessar os dias"
(Martha Medeiros) 

Dizem que depois da tempestade, sempre chega a bonança. Uma época de ventos tortuosos e, de repente, umas semanas de céu azul ensolarado. Não creio que na realidade seja tão bonito, mas a gente tem que acreditar.

Sou fervorosamente crítica àqueles que tentam me consolar dizendo que “poderia ser pior”. É, cara. Poderia. Mas não é. Não me tire o direito de sofrer por isso.

O realmente necessário é entender que os problemas tem o tamanho que eles tem, e não o que você enxerga neles. Algumas coisas são realmente pesadas demais, mas outras poderiam ficar bem mais leves se você não enxergasse tanto peso nelas.

Não sei se a força do pensamento realmente muda os fatos. Mas o incontestável é que ela muda o modo com que VOCÊ os vê. E acredite, isso realmente pode modificar as coisas.

Você tem escolhas e elas mudam o destino dos fatos. Você pode acordar de mau humor e disseminar maus fluidos pelo mundo, ou pode tentar fazer disso tudo o melhor que possa ser: sua chefe é chata, mas é competente; chove lá fora, mas o barulho das gotas caindo sempre te fazem dormir mais rápido; alguém te machucou, mas te fez crescer.

A vida segue e você aprende a lidar com as adversidades. Por mais que doa, pese e desespere, vai haver uma saída. Nada é para sempre e nenhuma tempestade dura eternamente, não é? Se há sombra, há luz, e se há mal é porque há o bem.

Há coisas boas em tudo que há de ruim. Há algo pra ser aprendido nas mais difíceis lições. E há o seu sorriso que é importante demais pra se deixar apagar.

Ainda vão haver momentos em que você vai querer que o mundo se dane. Você ainda vai ajoelhar muitas vezes suplicando ajuda e chorar muitos litros sem saber o que fazer. Mas, cara... Vai passar.

Vai passar porque a vida não para pra esperar você secar suas lágrimas. Vai parar porque o mundo não gira em torno das suas dores e porque o universo é extenso demais pra se deixar abater pela sua surpresa.

O mundo vai continuar girando, os dias e o tempo passando e só te restam duas opções: parar no instante da dor ou seguir o sentido natural das coisas, mesmo que machucada.

O que importa é que sempre haverá outros tempos e boas pessoas pra te ajudar a fazer a travessia entre eles. E acredita: vai passar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Diz o que achou :)