sexta-feira, 26 de abril de 2013

10 clichês verdadeiros para anotar na agenda


http://migre.me/ehzJo

1. “Toda ação tem uma reação”
O mais clichê dos clichês do mundo, mas totalmente verdadeiro. E pasme, mas isso não serve só quando é em seu benefício. Temos mania de repetir essa frase pra justificar nossas vingancinhas e a felicidade de ver alguém que não gostamos se dando mal, mas acredite: sua vez também chega. Quando fizer algo errado, lembre-se que isso terá consequências, e que chorar e se fazer de vítima depois não adianta.

2. “O que não mata, fortalece”
Parece blá blá blá motivador mas faz sentido. Quando parece que tudo está perdido você se depara com a uma realidade incontestável: você não vai morrer. Ou seja, vai ter que aguentar. Logo, todo aquele processo de recuperação e superação acaba servindo pra te fazer um bocado mais forte. Tudo é experiência, afinal.

3. “Tudo passa”
Mais que clichê, é óbvio. Os dias passam, as horas passam, os meses passam... Sua vida passa. Obviamente os maus e os bons momentos passarão. Gosto de uma historinha que me contaram quando eu era criança: um rei pediu a um sábio que escrevesse em seu anel uma frase que servisse de consolo e de alerta. O sábio, então, escreveu “tudo passa”, pra lembrar que os momentos ruins não duram pra sempre, mas que os bons também não.

4. “Quem procura, acha”
De fato, esse clichê é um dos mais verdadeiros e engraçados. Quem procura, acha, e principalmente, acha até o que não gostaria. Sabe aquele outro que diz que “a curiosidade matou o gato”? Então. É sempre bom tomar cuidado com o que deseja – ou não – encontrar por aí.

5. “Para bom entendedor, meia palavra basta”
Querido, para bom entendedor um olhar basta. Principalmente se for “entendedora”, porque mulheres são mestres em conversar por olhares e expressões. Há certas coisas que é melhor você entender antes que a pessoa precise pronunciar a primeira sílaba de alerta, vai por mim.

6. “Tudo que vai, volta”
No tempo da minha vó diziam que "quem com ferro fere, com ferro será ferido", mas dá no mesmo. Esse é um dos clichês que a gente sempre reza pra ser verdade. Pois é, bonitão. É bom tomar cuidado com a lei do retorno, afinal, “pimenta nos olhos dos outros é refresco”, né?

7. “Se ex-namorado fosse bom, não era ex”
Adoro esse. Dispensa comentários. Apesar de saber que ex-namorados podem ser grandes amigos, é sempre bom lembrar que ele não deve ser tão bom namorado assim. “Comida requentada” e dar “marcha-ré” não são aconselháveis (salvo raras exceções).

8. “Carpe Diem”
Virou até tatuagem clichê, mas é um dos meus favoritos. Aproveite o momento, aproveite o dia, cada coisa de uma vez. Tem lição mais bonita pra vida? Evita o stress, a ansiedade, a fadiga, e te faz aproveitar cada minutinho que é único e não volta. Muito amor!

9. “O que os olhos não veem, o coração não sente”
Colocando a intuição de lado, tá aí uma frase sensacional. Você não sofre pelo que não vê e não sente. É por isso que traições nunca descobertas simplesmente não existem, é por isso que você não tem vergonha do que não lembra e não tem provas de ter feito, e é por isso que todo casal que termina o namoro prefere ficar distante. O único problema é que com a modernidade surgiu o clichê “o que o coração não vê, o ciúmes inventa”. Pois é.

10. “Em boca fechada não entra mosquito”
Deixei esse por último porque serve de conselho pra um mundo de gente. O silêncio e a discrição impedem que as pessoas se metam na sua vida e que você dê pitaco – muitas vezes errado - na vida dos outros. “Deus deu a vida pra cada um cuidar da sua”, não foi? Então menos fofoca e mais trabalho, meus caros! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Diz o que achou :)